capa_site.png
  • seminariogestoress

SEGUNDA ETAPA DE CAPACITAÇÃO DE GESTORES ABORDA ESPORTE EDUCACIONAL, ACESSIBILIDADE E PERSPECTIVAS!

Depois do enorme sucesso da etapa inaugural, realizada no salão nobre do estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi), na última sexta-feira (13), o Sindicato das Entidades de Administração do Desporto no Estado de São Paulo (SEADESP) promoveu nesta quinta-feira (19) o segundo dia do 1º Seminário de Capacitação de Gestores Públicos e Privados.

Realizado em parceria com Secretaria Municipal de Esportes e Lazer de São Paulo (SEME) e a promoção da Associação dos Secretários Municipais de Esporte e Lazer da Região Metropolitana de São Paulo (ASEMESP), o evento foi criado para reunir e qualificar os principais players atuantes no segmento esportivo, tanto na iniciativa privada quanto no setor público. Nesta sexta-feira (20), acontece a terceira e última etapa, com a cerimônia de encerramento.


O resumo da 2ª etapa


A abertura foi feita com as presenças do proponente e realizador do seminário, o presidente do SEADESP, Sérgio Valencia, além do principal apoiador, o secretário municipal de Esportes e Lazer de São Paulo, Thiago Milhin, e seu chefe de gabinete, Carlos Vianna. Também esteve presente o secretário executivo da ASEMESP, Mauzler Paulinetti.


Diferentemente da primeira etapa que foi realizada de forma híbrida, com a participação de cerca de 80 convidados em auditório, o segundo foi inteiramente online, com palestras remotas e algumas presenças em estúdio de transmissão.


Entre os principais temas do dia, foram debatidos: "Os sistemas clubístico e federativo do Esporte", "Esporte Educacional (Escolar e Universitário)", "Acessibilidade: Esporte Paralímpico e Organizações Sociais", "Saúde, Esporte e Essencialidade", "Normalização, Inovação e eSports" e "Novas perspectivas para o Esporte após a pandemia e Olimpíada".

Principais falas


ABERTURA


"Mais do que uma capacitação, este projeto é um grande movimento que agrega todos os valores que a sociedade esportiva possui, debatendo temas importantíssimos e significativos para a retomada do setor após praticamente um ano e meio parados. O esporte é uma ferramenta de geração de emprego, oportunidades, saúde, lazer e entretenimento", Mauzler Paulinetti, secretário executivo da ASEMESP.



OS SISTEMAS CLUBÍSTICO E FEDERATIVO DO ESPORTE


"Fizemos um levantamento dos atletas que foram a Tóquio e cerca de 30% vieram de projetos sociais e 50% deles não têm clube. Precisa haver uma maior sinergia entre iniciativas públicas e privadas, a fim de motivar novos esportistas, ampliar o número de atletas e de formadores", Fábio Ferraro, diretor de Esportes do Esporte Clube Pinheiros.


"Eu acredito muito no sistema federativo, mas ele é mal distribuído, principalmente no que diz respeito a verbas. Hoje precisamos de mais repasses públicos e nada mais eficiente do que uma política pública para redistribuição de dinheiro e a inclusão do esporte nas escolas", Enyo Dauro, presidente da Federação Paulista de Basquetebol.





ESPORTE EDUCACIONAL (ESCOLAR E UNIVERSITÁRIO)


"Cerca de 95% dos atletas em Tóquio tiveram seu primeiro contato com o esporte na escola, enquanto 60% tiveram sua identificação com a modalidade através de um professor de Educação Física, o que mostra a importância do esporte escolar", Luiz Delphino, CEO da Confederação Brasileira de Esporte Escolar.


"Só no estado de São Paulo cerca de dois mil atletas são beneficiados por bolsas de estudo esportivas, sendo esse um dos principais programas de acesso ao ensino superior. Apesar do aspecto de rendimento, o esporte universitário é muito forte também na frente de participação, com mais de 300 atléticas existentes", Kallel Brandão, presidente da Federação Universitária.


Faça Download da Apresentação da palestrante Luciana Nóbrega do Ministério da Educação

Esporte MEC e BNCC (1)
.pdf
Download PDF • 1.71MB


ACESSIBILIDADE: ESPORTE PARALÍMPICO E ORGANIZAÇÕES SOCIAIS


"Quando falamos em acessibilidade, lembramos de barreiras físicas, como escadas, degraus, rampas, elevadores, portas estreitas, mas é importante lembrar de acessibilidade às ações sociais e políticas públicas, que talvez seja a principal quebra de barreira que precisamos priorizar no momento", Adilson Ramos, presidente da Confederação Brasileira de Deficientes Intelectuais.




SAÚDE, ESPORTE E ESSENCIALIDADE


“Segundo a Organização Mundial da Saúde, 32% das doenças poderiam ser minimizadas ou reduzidas com a prática do esporte. Eles também estimam a perda US$ 59 bilhões no mundo por causa do sedentarismo e de US$ 14 bilhões somente nos EUA pela falta de atividade física. Acredito ser o nosso papel lutar pelo desenvolvimento do esporte em prol de uma sociedade mais saudável e mais desenvolvida”, Dr. Marcos Schuler, médico.




NORMALIZAÇÃO, INOVAÇÃO E ESPORTS


“O esporte eletrônico já era muito conhecido e a pandemia o tornou ainda mais popular. Algumas ligas aqui no Brasil tiveram aumento superior a 35% do crescimento já esperado. Posso dizer que nesse período o acesso de pessoas que assistem eSports triplicou no país”, Moacyr Alves, presidente da 7W Play.


“Os games são os jogos mais inclusivos que temos, pois independem da idade, do gênero, das limitações físicas. Ou seja, já é uma realidade e gera dividendos, e já chegou até nas periferias”, Jefferson Nogoseki de Oliveira, presidente da ASEMESP.




NOVAS PERSPECTIVAS PARA O ESPORTE APÓS A PANDEMIA E OLIMPÍADA


“O recorde de medalhas do Brasil nos Jogos de Tóquio mostrou que estamos no caminho certo para alcançar resultados ainda melhores, mas temos algumas modalidades que conseguimos ótimas colocações pelo talento dos atletas e só o talento não é suficiente no longo prazo. Então precisamos profissionalizar a estrutura para que consigamos nos manter no topo e fazer o esporte se desenvolver”, Bruno Souza, Secretário Nacional de Esportes de Alto Rendimento.



Faça Download da Apresentação da palestrante Fabiola Molina da Secretaria Nacional do Esporte, Educação, Lazer e Inclusão Social.


Apresentação SNELIS capacitação gestores públicos 19.08
.pptx
Download PPTX • 8.07MB


Para participar do seminário basta preencher um rápido cadastro no site oficial do evento (www.seminariogestoresseadesp.com), gratuitamente.


1ª etapa: dia 13 de agosto de 2021, das 8h30 às 17h30 (já realizada)


2ª etapa: dia 19 de agosto de 2021, das 9h00 às 16h30 (já realizada)


3ª etapa: dia 20 de agosto de 2021, das 10h00 às 12h00

Acompanhe nas redes sociais


Facebook: www.facebook.com/Semin%C3%A1rio-de-Capacita%C3%A7%C3%A3o-de-Gestores-P%C3%BAblicos-e-Privados-103927008643665

Instagram: www.instagram.com/seminariogestoresseadesp

Twitter: www.twitter.com/seminariogestor